História do Internacional: das Laranjeiras ao Beira-Rio, títulos, equipe histórias e mais; relembre

O berço da equipe foi a região da Ilhota, conhecida por sua pluralidade cultural.

Por:

21/06/2022 19:02
Brasão do time Internacional
Brasão do time Internacional - Fonte: Google

Fique por dentro da história do Internacional

A fundação do Sport Club Internacional aconteceu em 4 de abril de 1909, pelo jornalista brasilerio Henrique Poppe Leão. Os irmãos José Eduardo Poppe e Luiz Poppe também foram responsáveis direto pelo começo de um dos grandes clubes brasileiro.

O nome da equipe gaúcha está diretamente ligado à abertura para que todas as nacionalidades participassem da agremiação. A década de 20 começou complicada para o Colorado. Muitos problemas financeiros e sequência complicada dentro de campo fizeram com que o clube quase fechasse, mas a administração conseguiu dar a volta por cima.

Era Eucaliptos

Em 1927, venceu o primeiro título estadual e iniciou a construção de seu estádio. Após 4 anos, já com o Estádio dos Eucaliptos pronto, o Internacional começou uma época de muitas glórias.

Logo na inauguração, em março de 31, grande vitória sobre o Grêmio, por 3 a 0. Mas os grandes títulos viriam quase dez anos depois, com elenco que ficou conhecido como Rolo Compressor.

Tesourinha e Carlitos, ídolos eternos do Colorado, eram os destaques do time que conquistou oito estaduais em 10 anos. Carlitos é até os dias de hoje o maior artilheiro da história do Inter: 485 gols marcados.

Durante três décadas, o Estádio dos Eucaliptos representou a casa do Internacional, mas com o crescimento da instituição, começou o projeto do Beira-Rio.

O Beira-Rio

A década de 60 foi complicada para o Internacional. Em busca de mais visão nacional, o projeto do novo estádio saiu do papel e a construção começou, fazendo com que os recursos ficassem escassos.

Marca Rei do 
Pitaco
Aplicativo Rei do Pitaco

Com boa parte do time formado por garotos, o Colorado não conseguiu grandes conquistas. O Beira-Rio foi inaugurado em 6 de abril de 1969, 60 anos após a fundação do clube.

O novo estádio elevou as expectativas dos torcedores, que, em pouco tempo, viveriam uma das épocas mais vitoriosas do Inter.

Libertadores e o tri brasileiro

A partir de 1970, uma legião de craques se uniu para levar o Internacional ao topo do cenário nacional. Nomes como Falcão, Carpegiani, Valdomiro e Manga formaram o elenco tricampeão brasileiro.

Em 75, ainda sem o título, a ‘seleção’ colorada já havia alcançado prestígio nacional ao vencer o Fluminense de Rivellino. Na grande decisão do Brasileiro daquele ano, contra o Cruzeiro, a vitória por 1 a 0 deu ao Inter o sonhado troféu.

E o bi veio logo em seguida. Fortalecendo ainda mais o elenco, os gaúchos não tiveram dificuldades para bater o Corinthians, por 2 a 0, e vencer a decisão de 76 do Brasileiro.

O Tri foi ainda mais emblemático. Em 23 jogos disputados, nenhuma derrota. A equipe de Falcão e companhia fez história e bateu o Vasco de Roberto Dinamite na final de 1978.

Depois das glórias contra os brasileiros, foi a vez de buscar a Libertadores de 1980. Primeiro time do Sul do país a disputar uma decisão de Libertadores, o Colorado - ainda com Falcão - não foi páreo para o Nacional, do Uruguai.

Copa do Brasil inédita e rival em alta

Na década de 90, o Internacional viu o Grêmio, seu maior rival, viver grande momento no futebol nacional e internacional. Mas o Colorado conseguiu algumas glórias.

A inédita Copa do Brasil veio em 1992. A campanha campeã deixou pelo caminho Corinthians, Grêmio, Palmeiras e, na grande decisão, bateu o Fluminense.

Mundial de Clubes e o bi da América

Os anos 2000 ficarão marcados para sempre na memória dos torcedores. A equipe vice-campeã brasileira em 2005 colheria os frutos na temporada seguinte.

Com três Brasileiros na ‘bagagem’, faltava o Internacional a conquista da América. E ela veio. Fernandão, eterno capitão e ídolo, foi o encarregado de levantar o troféu da Copa de Libertadores de 2006, vencida em cima do São Paulo de Rogério Ceni.

O ápice da temporada ainda estava por vir. Com a taça na mão, foi a vez de partir para o Japão em busca do sonhado Mundial de Clubes.

Contra o Barcelona de Ronaldinho Gaúcho, Xavi, Iniesta e companhia, os brasileiros tiveram atuação impecável para vencer por 1 a 0. O gol foi marcado por Adriano Gabiru.

O Internacional passou por momentos complicados até 2010, quando formou uma equipe que venceria a segunda taça Libertadores de sua história.

Comandados por Celso Roth, os jogadores colorados venceram as duas partidas da grande final contra o Chivas Guadalajara. Ao final da temporada, mais uma ida ao Japão em busca do bi-Mundial, mas os gaúchos caíram na semifinal e amargaram a 3ª posição naquele ano.

Principais títulos do Internacional:

Jogadores do time Internacional em campo comemorando

  • Mundial de Clubes da FIFA: 2006;

  • Taça Libertadores: 2006 e 2010;

  • Copa Sulamericana: 2008 (Invicto);

  • Recopa Sulamericana: 2006 (disputada em 2007) e 2010 (disputada em 2011);

  • Campeonato Brasileiro: 1975, 1976 e 1979 (Invicto);

  • Copa do Brasil: 1992;

  • Campeonato Gaúcho: 1927, 1934, 1940, 1941, 1942, 1943, 1944, 1945, 1947, 1948, 1950, 1951, 1952, 1953, 1955, 1961, 1969, 1970, 1971, 1972, 1973, 1974, 1975, 1976, 1978, 1981, 1982, 1983, 1984, 1991, 1992, 1994, 1997, 2002 (Super), 2003, 2004, 2005, 2008, 2009, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016;